Bíblia Sagrada: O livro mais vendido do mundo e o Menos Lido. - Chamado ao Evangelho

Recentes

colocar adsense (apagado)

terça-feira, 19 de julho de 2016

Bíblia Sagrada: O livro mais vendido do mundo e o Menos Lido.

Nos últimos 50 anos, a Bíblia ocupa o primeiro lugar entre os livros mais vendidos do mundo. De acordo com o Livro Guinness dos Recordes, a Bíblia é o livro mais vendido de todos os tempos com mais de 5 bilhões de cópias vendidas e distribuídas. Wycliffe Global Alliance revelou que pelo menos 3,9 bilhões de pessoas têm uma Bíblia disponível em sua língua nativa. Mas você sabe como ela é produzida? Existe uma Sociedade Bíblica presente em vários países, formada por pessoas de diversas denominações cristãs. Tudo para garantir a veracidade das traduções dos originais. E o mais interessante é a transformação que a Palavra de Deus pode causar na vida das pessoas. Basta conhecer o conteúdo da Bíblia através de um estudo sistemático e aplicar as orientações nela contidas que sua vida nunca mais será a mesma.

De acordo com o Livro Guinness dos Recordes, a Bíblia é o livro mais vendido de todos os tempos com mais de 5 bilhões de cópias vendidas e distribuídas.
Mesmo com esses dados formidáveis há regiões que a bíblia não foi “contrabandeada”. Um vídeo muito emocionante, porém pouco conhecido, nos revela partes da china que em seu comunismo impede a publicação das escrituras. 


Porém muitos cristãos não se conscientizam do seu dever de ler as escrituras. Um estudo realizado pela LifeWay Research, nos Estados Unidos, relevou detalhes sobre o comportamento dos cristãos. A pesquisa, que revelou que 90% dos fieis afirmam que “desejam agradar e honrar a Jesus em tudo o que faço”, mostrou também que apenas 19% daqueles que frequentam a igreja leem a Bíblia diariamente. Vamos Ler as Escrituras.

Extraído do Portal de Noticias Defesa do Evangelho.  

Um comentário:

  1. Infelizmente, vergonhoso e triste essa estatística, porem real e se ver na pratica crista, pois as heresias vista em nosso meio, mais quem sabe um dia esse livro seja levado a serio.

    ResponderExcluir